Pesquise nas páginas da Igreja:

2 de julho de 2012

Católico social

Confesso que não é a coisa mais fácil do mundo manter-se em dia com as redes sociais: atualizações, leituras de novos perfis, seguir seus amigos, ser seguido por eles - e pelos outros - participar dos debates, ser politicamente correto... o lance da amizade virtual segue uma etiqueta e uma ética que ainda não assimilei bem. Entrei no facebook por causa do aplicativo Graffiti, que expõe as atualizações dos sites católicos no Igreja Online; e no twitter pelo seu aplicativo de listas, que faz a mesma coisa.

Mas como sempre tem gente animada com essas coisas por aí, entrei pra conhecer o FaceCatólico, iniciativa do Rafael de Paula, que usa esta ferramenta, Ning,  bem bacana e em português. Tem o jeito dos antigos fóruns, mas com a carinha do Zuckerberg.

Nenhum comentário: